Greve dos técnicos e auxiliares de enfermagem do DF é suspensa por uma semana

Após assembleia na manhã desta quarta-feira (19), a greve dos técnicos e auxiliares de enfermagem do Distrito Federal foi suspensa por uma semana, até a próxima quarta-feira (26). A paralisação, iniciada na segunda-feira (17), havia sido aprovada por unanimidade pelos servidores do Sindicato dos Enfermeiros (Sindate-DF).

A suspensão da greve ocorre após negociações com o Governo do Distrito Federal (GDF), que pediu um prazo para apresentar uma contraproposta à categoria. O Sindate-DF informou que a proposta será discutida em uma nova assembleia na próxima quarta-feira (26).

Apesar da suspensão, o sindicato permanece em estado de greve, mantendo a possibilidade de retomada da paralisação. Técnicos e auxiliares de enfermagem se reuniram em frente à Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) para protestar pedindo reestruturação da carreira e equiparação salarial em 70% em relação às outras categorias.

Para o deputado distrital Jorge Vianna (PSD), o fato de o governo receber a categoria e pedir prazo para apresentar uma contraproposta é um sinal de respeito ao movimento. “Eu acredito que a decisão foi um acerto. Porém, caso não haja uma proposta razoável por parte do GDF ou até mesmo nem haja uma reunião na quarta-feira que vem, os técnicos e auxiliares vão parar por tempo indeterminado. E eu dou total apoio à categoria”

 

Tags

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram